Notícia
Comoção e revolta no sepultamento das cinco pessoas que morreram em acidente em Mamborê
Comoção e revolta no sepultamento das cinco pessoas que morreram em acidente em Mamborê
04/07/2018

   A capela mortuária de uma funerária de Mamborê foi palco de comoção e revolta na terça-feira, durante o velório das cinco pessoas de uma mesma família – pai, mãe e três filhos – que morreram em um trágico acidente ocorrido por volta das 20 horas de segunda-feira, 2, na rodovia BR-369, próximo à Comunidade do Pensamento.

                               A comoção era pela tragédia que dizimou a família. A revolta porque a polícia afirmou que o acidente aconteceu durante um suposto racha entre caminhões, sendo que quatro motoristas foram presos em flagrante.
                               A família estava em um veículo Ford Escort, que colidiu frontalmente com um caminhão, que teria invadido a pista contrária, mesmo no treco havendo terceira pista para o caminhão.
                               Morreram no acidente o condutor Ford Escort, José Reinaldo da Cruz, 34 anos e sua esposa, Alexandra da Cruz (idade não confirmada), seus três filhos, Maria Vitória da Cruz, 04 anos ; Luan Gabriel da Cruz, 09 anos; Mariana da Cruz, 11 anos.
                               De acordo com o delegado Marcelo Trevisan, quatro motoristas de caminhões suspeitos de envolvimento no acidente estão presos. Os homens têm 38, 37, 29 e 30 anos. Um quinto suspeito é procurado pela polícia.
                               Os condutores foram presos em flagrante pelo crime de racha com resultado morte, com pena que pode variar de 5 a 10 anos. Os suspeitos estão na delegacia de Mamborê. A Polícia Civil não estipulou fiança.
Goionews: Todo mundo lê!

 

Deixe seu comentário