Notícia
DUAS PESSOAS FORAM PRESAS E UM REVÓLVER APREENDIDO EM ASSIS
DUAS PESSOAS FORAM PRESAS E UM REVÓLVER APREENDIDO EM ASSIS
14/04/2018

Na tarde de sexta-feira dia 13/04/2018 por volta das 17h30mim a Polícia Militar de Assis deslocou até a imobiliária Juliano Vende, para obter informações de um imóvel na Avenida Guanabara, que estava com placa de vende-se, e dias anteriores houve denuncia que indivíduos estavam armados na residência. Na imobiliária informaram que a casa não estava com contrato de locação e que não poderia estar habitada, pois a residência estava sob sua custodia, autorizando a entrada da equipe se necessário. A equipe então deslocou em patrulhamento pela Av. Guanabara, quando chegou frente ao imóvel, observou indivíduos na parte externa da residência e estes ao avistar a equipe policial demonstraram nervosismo adentrando a mesma. Foi adentrado a residência e dado voz de abordagem aos indivíduos e perguntado se estariam em posse de armas, onde um dos indivíduos, relatou que no sofá teria um revolver. Ambos foram algemados para resguardar a segurança da equipe conforme Sumula Vinculante 11 do STF, iniciado busca na residência onde foi encontrado no sofá um revolver de Calibre 32, municiado com 6 munições, no estante da televisão 03 munições Calibre .22 deflagradas, no quarto foi localizado 01 colete balístico com capa balística, em uma bolsa, na cabeceira da cama dentro de uma mochila foi localizado 7 munições Calibre 22 intactas, ainda no quarto foi localizado uma toca balaclava de cor preta, nos fundos da residência a equipe localizou uma espingarda chinesa de pressão, porem adaptada para calibre .22, municiada com uma munição. Um dos indivíduos reatou a equipe que tudo que foi encontrado na residência era de sua propriedade e que seu amigo não é envolvido em nada, segundo ele as armas era para sua proteção, pois ele e seu irmão estavam recebendo ameaças. Conforme os fatos os indivíduos as armas foram encaminhados a 3CIA para confecção do BOU e posteriormente a 48 DRP para procedimentos.

 

Redação Ademir Ribeiro

Fonte Polícia Militar

Deixe seu comentário